31 de agosto de 2012

* this moment *

Um jeito gostoso de blogar às sextas-feiras.
Me junto à Amanda, do SouleMama, numa reflexão fotográfica sobre a semana que vai chegando ao fim:
"{this moment} - A Friday ritual. A single photo - no words - capturing a moment from the week. A simple, special, extraordinary moment. A moment I want to pause, savor and remember."

***

 

30 de agosto de 2012

Muitas de mim

Uma ciranda de presente para Symon.
 
 
(Estas são algumas de mim.)

29 de agosto de 2012

Tosse e inalação


São Paulo sem chuva.
Muito sol e calor em plena estiagem de inverno.
A poluição palpável no céu bonito (azul + faixa marrom).
As crianças tossem. Congestão, respiração bucal, às vezes têm dor de cabeça. Dá-lhe bolinhas de homeopatia.
E inalação.
Depois que aprendi a fazer a inalação com sálvia ou camomila com o pediatra das crianças, já ensinei um monte de gente. Não posso ver uma criança tossindo que vou lá dar a receita:


Sálvia
Inalação com chá de Sálvia ou Camomila*
Para tosses, sinusites e resfriados com congestão nasal
Espectorante

Faça um chá forte:
Ferva ½ xícara de chá de água.
Desligue o fogo e acrescente 1 colher de sobremesa bem cheia de sálvia ou camomila.
Deixe descansar tampado por 20 minutos.
Coe com um tecido (ou coador de papel)
Guarde o chá na geladeira por até 3 dias.

Para a inalação, coloque no copinho do inalador:
5ml de soro fisiológico
5 ml de chá
(+ ou – 1 colher de sopa de cada)

Faça a inalação por 10 a 15 minutos.


Dicas importantes

Para funcionar bem, a inalação tem que ser feita com uma certa constância – sempre de acordo com o quadro da criança.
Nas crises, eu costumo fazer até 3 vezes ao dia, durante alguns dias (em geral por 1 semana).
Fazer 1 vez só não resolve.

Acompanhe a sessão-inalação com desenhos animados na TV ou a leitura de um livro que a criança goste (algumas dicas de livro aqui).

Se a criança reclamar que a inalação está sendo incômoda para ela (porque tem que ficar parada, porque a fumacinha atrapalha para ver o desenho...), explique que essa fumacinha está ajudando o corpo dela a melhorar, converse, brinque.

Invente uma brincadeira com a situação, vá riscando num calendário os dias que faltam para terminar o tratamento. No site Passarim tem um calendário bem legal que eu mesma criei (é de graça!): vai lá ver.

Resumindo: torne a situação agradável, inalação não precisa ser chata.
Quando ela perceber o tempo da inalação já acabou e vocês se divertiram. :o)

Obs: para adultos também funciona, eu mesma já testei (só não consegui fazer em mim mesma tantas vezes quanto faço em meus filhos... a-ham.)




*Sálvia = quando o muco está espesso
Camomila = quando há coriza (tipo clara de ovo)

Camomila

24 de agosto de 2012

* this moment *

Um jeito gostoso de blogar às sextas-feiras.
Me junto à Amanda, do SouleMama, numa reflexão fotográfica sobre a semana que vai chegando ao fim:
"{this moment} - A Friday ritual. A single photo - no words - capturing a moment from the week. A simple, special, extraordinary moment. A moment I want to pause, savor and remember."

***

 

22 de agosto de 2012

Transformando

Procuro ensinar as crianças que SEMPRE é possível transformar para melhor algo que não gostamos a princípio. Muitas vezes basta mudar o ponto de vista.
 
É claro que o ensinamento é válido principalmente para mim. Também eu QUERO aprender a fazer isso em inúmeras situações -- nem sempre consigo.
 
De qualquer forma, acredito que treinando o olhar (e a atitude) com pequenas coisas, com problemas simples, a gente vai aprendendo e incorporando essa maneira de ver e ser.
 
Quando os filhotes desenham sempre digo: transformem.
Não gostou do traço? Não ficou como queria? Transforme!
O que era pra ser um tatu, vira um barco; a menina vira uma árvore, uma mancha se transforma num chapéu... Vale tudo. Só não vale não tentar trasnformar.
 
Ontem pedi a L. que desenhasse sobre um papel já pintado que, segundo ela, estava borrado, manchado, feio.
Ela fez o desenho despretenciosamente, na certeza de que não ficaria bom, pois o papel já estava “estragado”.
 

Eu a-do-rei o resultado.
O papel que iria para o lixo virou uma linda ilustração.
 
Ela diz que não gostou – mas deixou que eu o colocasse aqui (no fundo, talvez não tenha achado tão mal assim o resultado). ;o)

20 de agosto de 2012

A ioga possível



Apesar de gostar muito de ioga, minha prática atual se restringe a ler minha revista preferida, tentar aplicar a filosofia ao meu dia-a-dia e, de "vez em nunca", fazer uma postura (tipo Savasana -- hoho).

As crianças curtem esses momentos raros e pedem para fazer comigo de vez em quando.
Dia desses, cansada e com sono, fui colocá-los para dormir.

Vira o mini iogue de 4 anos e diz:
-- Mãe, vamos fazer ioga?
E eu, fechando os olhos:
-- Aaah, T... Eu estou tão cansaaada...
Abro os olhos e vejo o moleque já no chão, na postura de lótus, palmas da mão juntas, um olho fechado e outro aberto, rindo e me falando:
-- Ah, vai mãããe...

Dá pra aguentar? :o)

...

Para constar: a postura desse ser dura uns 4 segundos e logo começa a bagunça. ;o)

19 de agosto de 2012

Cast on, baby!

Excepcionalmente... um post domingueiro!

Cast on baby! via Nelkin Designs



Agora vou correr para as agulhas. Uma carreira que seja!
Uma vez tricoteira, sempre tricoteira.

15 de agosto de 2012

Inesperado






Quando o pedido do filhote vira realidade.
Quando acontece de encontrar uma praia (próxima a SP) bonita e inacreditavelmenre tranquila.
Quando a comida a beira mar é boa.
Quando o vento pára.
Quando a noite é bonita.
Quando a praia não é iluminada.
Quando os filhos brincam na areia fina (até no escuro!).
Quando podemos pôr os pés no mar à noite.
Quando acontece tanta coisa boa num só dia... só resta agradecer.

10 de agosto de 2012

* this moment *

Um jeito gostoso de blogar às sextas-feiras.
Me junto à Amanda, do SouleMama, numa reflexão fotográfica sobre a semana que vai chegando ao fim:
"{this moment} - A Friday ritual. A single photo - no words - capturing a moment from the week. A simple, special, extraordinary moment. A moment I want to pause, savor and remember."

***

6 de agosto de 2012

Na lista

Mesmo antes de engravidar eu já tinha ouvido falar deste livro e desde então ele está na minha lista de livros a comprar.

Eis que um dia desses L. chega da escola falando que a bibliotecária tinha lido um livro muito legal para eles: “Quando mamãe virou um monstro”, de Joanna Harrison.

-- Traz pra gente ler! – pedi.
E ela trouxe.





Lemos diversas vezes, o livro é realmente muito divertido.

Trata daquela cena velha conhecida em que a mãe perde as estribeiras com os filhos num dia “daqueles”. Ao final todos (inclusive a mãe, é claro) repensam suas atitudes, se arrependem e tudo acaba bem.

A identificação com a história é inevitável (para mães e filhos).

...



O interessante foi o efeito colateral: nos dias seguintes os 2 ficaram bem mais cooperativos – entretanto o efeito não foi permanente. Está mais para intermitente.  ;o)

3 de agosto de 2012

* this moment *

Um jeito gostoso de blogar às sextas-feiras.
Me junto à Amanda, do SouleMama, numa reflexão fotográfica sobre a semana que vai chegando ao fim:

"{this moment} - A Friday ritual. A single photo - no words - capturing a moment from the week. A simple, special, extraordinary moment. A moment I want to pause, savor and remember."

***

1 de agosto de 2012

Recarregando as baterias